Política


(Pág. 1 por 59)   
« Ant.
  
1
  2  3  4  5  Seg. »



Por imperativo da Constituição, o actual Chefe de Estado, o comandante Pedro Pires não poderá concorrer a mais um mandato (já se encontra no seu segundo e último), pelo que o PAICV terá que apoiar um novo candidato. As cartas estão baralhadas do lado do MpD com a entrada do jurista e antigo primeiro-ministro de Cabo Verde, Carlos Veiga para o cargo do presidente desta força política.


Cumprem-se cumpriram as derradeiras 24 horas para o fim do prazo de entrega de ante-projectos de Constituição da República de Angola. O processo foi aberto a todas as forças vivas do país, mas foram as representações políticas com assento parlamentar que acabaram por monopolizar os debates.

Da  agenda consta  um encontro com responsáveis da Fundação Jean Jaurès, uma estrutura do PS dirigida pelo seu ex- responsável África, Guy Laberti

“Nós damos muita atenção às relações com Angola por razões históricas, mas sobretudo por razões afectivas. Muitos cabo-verdianos residem em Angola, e em Cabo Verde consideramos Angola um parceiro particular nas relações internacionais” -  Pedro Pires

O antigo presidente da Guiné-Bissau, Kumba Yala, eleito em 2000 e derrubado pelo exército em 2003, foi investido pelo Partido de renovação social (PRS), como candidato às eleições presidenciais de 28 de Junho, no decorer de uma reunião do bureau político daquela formação política
Defende a necessidade de se implementar programas habitacionais integrados com infra-estruturas que tenham em conta a educação, a saúde e garantam o ordenamento do território.

"Trata-se de uma proposta que visa essencialmente combater o alcoolismo no país, uma vez que é a terceira causa de mortalidade. Vamos combater os comportamentos de risco e a impunidade e obrigar a um maior respeito pela lei" - Janira Almada
(Pág. 1 por 59)   
« Ant.
  
1
  2  3  4  5  Seg. »

  • Agenda de Eventos